Browsing Tag

dia das mães

mãe de noiva
Família no Casamento, Originalidade

Mãe de noiva

Nessa semana, minha mãe me mandou uma mensagem dizendo que sonhou comigo criancinha. Disse que acordou e sentiu uma certa tristeza por eu não ser mais aquela meninazinha que fazia estripulias pelo quintal e não sabia achar os sapatos que perdia pelo caminho. 😥 Fiquei chorosa. (Mãezinha, te amo!)

Ainda não tenho filhos, mas imagino um pouco (ou acho que consigo imaginar) a mistura de sentimentos que invade um coração de uma mãe ao ver seus passarinhos deixando o ninho. O casamento, muitas vezes, representa esse voo de separação. 

Ver uma filha casando…ah deve ser um sonho, mas também um momento em que bate aquela dorzinha da saudade e de mais uma vez se perguntar: aonde foi parar o tempo? 

Ser mãe de noiva é queimar os dedos com cola quente nas madrugadas da vida fazendo os DIY de casamento. É sair pra entregar os convites que os noivos não conseguiram entregar. É bater perna até encontrar aquilo que a filha quer. É cozinhar, costurar, remendar pra economizar nos gastos. É chorar junto nos dias de aflição que antecede a festa. Ser mãe de noiva é também brigar por conta da chatice da noiva (que é muito chata, às vezes, eu admito). É palpitar no modelo do vestido, na cor do casamento, na lista de convidados… mas, acredito que, sobretudo, é fazer das tripas coração pra ver a felicidade da sua cria. 

E quando uma mãe leva a filha até o altar, pode crer que ali tem história pra mais de uma vida. O Causos de Noiva reuniu algumas dessas lindas histórias para homenagear todas vocês, mãezonas!

 

Danielle Carvalho

Após um período de muita luta, meu pai partiu acometido por um câncer devastador em junho de 2014. Depois deste período de tanta tristeza, decidi que a partir de então só teria alegrias na vida, buscaria felicidade. Assim, em novembro de 2014 fiquei noiva e em maio de 2015 me casei (estou prestes a completar meu 1º ano de casamento). Minha mãe, com muita dignidade e força, suportou a partida do companheiro de 42 anos de convívio e disse que entraria comigo, apesar da timidez dela e da emoção por não ter mais meu pai fisicamente entre nós. Ela é uma fortaleza. Na minha entrada, fiz uma surpresa para ela: entramos com a mesma música que ela entrou em seu casamento (Ave Maria de Gounod) e projetei num telão uma imagem bem bonita minha e do meu pai. Porque ele esteve lá comigo, como sempre fez em todos os momentos felizes de nossas vidas.

mãe de noiva

 

Aline Oliveira

Só tenho a dizer que, parceira, amiga, companheira, não tem igual. Meu pai se foi há 2 anos e 5 meses e eu não poderia dar a outra pessoa essa honra. Te amo, minha amada mãe!

mãe de noiva

 

Manuella Porto Arruda

Meus pais se separaram muito cedo e ele foi morar em São Paulo, então nosso contato era pouco. Minha mãe sempre fez o papel de pai e mãe e não tinha como ela não me entregar pro meu futuro marido, sabe?? Pra evitar que meu pai se chateasse de não entrar comigo, entrei com ele até um pouco mais da metade da nave. Depois minha mãe foi até nós e me pegou pra entregar pro meu noivo! Como quase ninguém sabia que faríamos essa “troca”, foi muito legal! Emocionante!

mãe de noiva

 

Gessiane Silva

Minha mãe se chama Maria. Ela é uma guerreira! Sempre foi pai e mãe, lutou e luta para que nada falte para os seus. Eu a amo demais .Meu pai faleceu há 7 anos e ela merecia entrar comigo

mãe de noiva

 

Rachel 

Minha mãe nesse momento tão importante da minha vida. Mulher guerreira que nunca mediu esforços para me educar, me ensinou tudo nessa vida. Não me imagino com outra pessoa ao meu lado. Muito orgulho de ser sua filha, mãe! 

mãe de noiva

 

Amanda Marins

 Entrei com minha mãe que sempre foi mãe e pai.

mãe de noiva

 

Priscila Jacomino

Eu entrei com minha mãe e foi lindo! Casei em 01/05/15 e meu pai faleceu no dia 31/12/14. Não tinha uma pessoa melhor para o substituir nesse momento. Foi simplesmente lindo!

mãe de noiva

 

Juliana Pessoa Ramos

Minha mãe há mais de 10 anos tem sido mãe e pai, pois meu pai faleceu!!! Ela é um exemplo, pois cuidou de tudo por muitos anos. Abriu mão da vida dela pra cuidar do meu pai que ficou doente numa cama. Mas nunca perdeu a vaidade, a alegria, sempre disposta a mudar todo mundo mesmo cheia de dificuldades. É claro que no meu casamento não teria ninguém melhor para este papel 😘😘😘!

mãe de noiva

 

Márcia Andréia Leal Lima

Escolhi entrar com a minha mãe pelo fato de ter meu pai falecido. Quis fazer essa homenagem a mulher que me deu a vida e que abriu mão de muitas coisas na sua vida pelos seus filhos.

mãe de noiva

 

 

Noiva e Mãe da Noiva
Família no Casamento

No nosso casamento, elas viram mães-maravilha!

Apesar de não ser mãe (ainda – se preparem que virá um time de futebol um dia), a vida me deu uma daquelas mães-maravilha que fazem o impossível pelos seus filhos, sabe?! Dona Adelaide não mede esforços! Também tive a sorte de ter  avós e tias que estão sempre presentes na alegria ou na dor. Ou seja, não faltaram figuras maternas ao meu redor e digo com toda propriedade que elas são essenciais no nosso grande dia, já que vamos falar de casamento! Em alguns casos, são elas que tomam as rédeas da situação e se tornam as responsáveis por transformar o sonho em realidade. Foi assim com a Carla Moreira, nossa noivinha de hoje.  😀

Noivos no altar

A Carla e o Rodrigo já moravam juntos em São Paulo e, quando mudaram pro próprio apartamento, decidiram que era hora de oficializar a relação. Rapidinho marcaram o casamento civil. A ideia era que os pais e a irmã da noiva pudessem vir de Fortaleza até Sampa. Acontece que o seu José Carlos não conseguiu as férias planejadas e, na data especial, a família Moreira estava incompleta. 😥  Como pai da noiva, ele fez um pedido mais que justo e irrecusável: que os dois casassem de novo! Hahaha. É isso mesmo, mas, dessa vez, com tudo o que tinham direito e na terrinha.  :mrgreen:

Challenge accepted! Eles tinham seis meses pra organizar tudo. Foi aí que entrou a dona Tereza Moreira, a mãe-maravilha!

Foi uma correria! Buffet, vestido, banda, bolo. Ela organizou tudo! Como eu não tinha como ver, ir provar, nem nada, ela escolheu tudo sozinha.

E haja confiança! O casal não estava presente e o jeito foi a dona Teresa assumir o comando. Ela precisou cuidar dos fornecedores, das negociações, dos contratos e de garantir que no dia tudo tivesse a cara dos noivos. Agora eu digo, quem nos conhece melhor do que nossas próprias mães, né? Elas sabem mais do que qualquer outra pessoa o que agrada aos seus babies.  🙄

O meu vestido de casamento, por exemplo, eu provei mesmo dois dias antes da festa. Ela foi com a minha irmã que tinha um corpo parecido com o meu, testou e escolheu dois modelos. Quando eu cheguei, a moça disse que tinha dois vestidos no meu nome. Eu pequei o que gostei mais e ela falou: a sua mãe sabia que você ia escolher esse! Hahaha. Do sapato ao arranjo do cabelo, foi ela. Minha mãe escolheu a roupa das damas de honra e das demoiselles. Até a roupa do meu marido foi gosto dela.

Saída dos Noivos

Já deu pra perceber que o maior desafio não foi ganhar os noivos. Difícil mesmo foi conseguir marcar a cerimônia religiosa, meu povo, pense! Quase uma novela mexicana. 😆  Na época, o casal não seguia uma religião, mas queria uma bênção na data especial. Na igreja católica, a burocracia era grande e as agendas muito cheias. Procuraram um pastor, mas o escolhido não aceitou realizar o casamento, porque o casal já morava junto. Ain! Acharam outro, que também negou, porque a festa teria bebida alcoólica. É sério? Enfim, uma funcionária do buffet indicou o pastor da igreja que ela frequentava e o moço aceitou de cara. Só tinha um “porém”: ele NUNCA tinha feito NENHUM casamentozinho sequer na vida.

Eu já tava com medo, pensei: vai dar m… Hahaha. Mas foi lindo!!! 😀 Ele falou coisas lindas. Foi bem tocante. As pessoas se emocionaram e deu tudo certo!  😛

A festa também foi sucesso! Pra não dizer que não teve uma “falha nossa” – afinal tem que haver um causo pra animar ainda mais o conto – depois da comemoração que entrou pela madrugada, os pombinhos voaram para o hotel onde passariam a noite de núpcias, também reservado pela dona Teresa. Acontece que o lugar não tinha nada do que prometia a propaganda. O jeito foi descansar umas horinhas até o sol raiar e voltar pra casa correndo, onde a família já estava toda reunida tomando um belo café da manhã com o bolo e os doces que sobraram da festa. Hummmm… Fiquei até com vontade! Até errando, a dona Teresa acerta! Hahaha.  😆

Beijo dos Noivos

No fim das contas, vocês devem estar pensando: noooossa que trabalheira, dona Teresa suou a camisa! Mas a gente sabe como as nossas mães ficam felizes ao ajudarem a realizar os nossos sonhos! 😀  Não sou só eu quem diz não, viu? É a própria dona Teresa Moreira também, linda que só ela!

Fiquei me sentindo muito bem, como se toda aquela festa fosse minha também. Afinal, eu não pude ter uma festa igual. Foi uma realização. Acho que por isso deu tudo tão certo. Eu fiquei imaginando o meu casamento, uma festa tão glamourosa, foi a maior realização!

E é em nome dessas pessoas incríveis sem as quais não passaríamos nem da primeira fase, haha, que nós do Causos de Noiva desejamos um Feliz Dia das Mães!!! Nunca é demais agradecer às mamães, titias, avós ou madrastas. Elas largam qualquer compromisso pra lhe ajudar a escolher o vestido, passam horas fazendo doce ou cortando tecido pra terminar suas lembrancinhas a tempo, brigam pra você comer alguma coisa durante a festa e, no final, choram  mais que todo mundo, porque amam você de verdade!  😉

Dá ou não dá pra sentir quanto amor há num sorrisão desse?

Mãe e Noiva