Browsing Tag

daminhas

entrada da noiva
Criatividade

A noiva pelas lentes do noivo. Que ideia genial!

O que era pra ser apenas um ensaio fotográfico, se tornou um baita evento na vida da Jéssica (a então cliente) e do David (o fotógrafo). Não pelas super fotos profissionais, mas porque um click diferente aconteceu naquele dia de 2014.

noivo fotografa noiva

Os dois se apaixonaram e o namoro veio logo em seguida. Batizaram-se juntos na igreja que frequentam e com um pouco mais de 2 anos, lá estavam eles se preparando para uma das mais lindas composições da vida. Como a fotografia esteve no primeiro plano dessa história, ela precisava receber um foco especial também durante a cerimônia de casamento.

A ideia foi do David, claro! Ele é super criativo e praticamente na última semana decidimos mudar o rumo das coisas. O casamento todo foi direcionado pra algo mais informal, diferente do que as pessoas estão acostumadas a ver nos casamentos e pensando nisso foi que ele teve essa ideia.

Qual ideia mesmo?

Deixa eu abrir um parêntese aqui rapidinho.

Sabe aquelas plaquinhas para entrada da noiva? “Última chance pra fugir”, “Foge não, ela tá linda”, “Lá vem a noiva”, etc. Pois é. Eu, particularmente acho essas plaquinhas por demais batidas. Vocês não acham? Quase todo casamento hoje tem! Isso sem falar na questão do machismo e tudo mais (veja esse texto interessantíssmo sobre isso do blog O Amor é Simples). Eu sei que é uma brincadeira, mas não acho nada original e, na minha opinião, já deu.   

noivo fotografa noiva

Foto: Alfredo Toscano via Zankyou

Fecha parêntese.

A Jéssica e o David deram um show nesse ponto. Eles substituíram a famosa plaquinha por uma máquina fotográfica. A daminha levou o equipamento até o noivo que, do altar, registrou a entrada da sua amada.

noivo fotografa noiva

Não é demais?!

Foi mais que emocionante! Com certeza o momento que mais marcou esse dia!

 Sem sombra de dúvidas estar do outro lado da história foi algo muito especial para nós e especialmente para ele que sempre registrou tantos casamentos e que agora pôde vivenciar os mesmos sentimentos, a mesma ansiedade, emoções e afins. Com certeza essa experiência veio a acrescentar muito a nossa profissão, pois nos tornou mais sensíveis a identificar o que deve ser feito ou não, o que pode ser dito ou não e principalmente, entender o que os noivos estão sentindo ali e consequentemente executar um trabalho com maior excelência.

noivo fotografa noiva

Pensando cá com meus botões, o contrário também ficaria legal pra registrar a emoção do noivo pelas lentes da noiva, né?! Só não sei bem como a noiva faria isso segurando o buquê.  Bem, deixo o desafio pra vocês, meninas.  😀 

Jéssica e David, que a vida de casados continue com essa iluminação especial, vinda do alto, e seja sempre repleta das mais lindas cores.

noivo fotografa noiva suspiros casamento

*Fotos de David Barnes Fotografia (o noivo), Dinho Rodrigues e Beto Santana.

 

 

Dama de honra
Crianças no Casamento, Erros e lições

Casamento com crianças: emoção na certa

Já vi casamentos de muitos estilos, tamanhos e formas, mas poucos que não tiveram um pimpolhinho sequer no meio. Vai do gosto do freguês, mas eu, que cresci sendo dama de honra de todo tio que casava na família, nem cogitei não incluir as minhas pequenas na cerimônia. Pro bem da verdade, criança dá graça a qualquer coisa na vida, não é mesmo? Então, vamos às honras!

Daminha se maquiando

Tive duas daminhas lindas. A minha florista, quem jogava as pétalas de rosa no começo do casamento, era a Sophia, a menininha americana mais sapeca do mundo. Com apenas três aninhos, ela embarcou junto dos pais em uma viagem com duas escalas dos States para Fortaleza, só pra fazer parte do casório. Muito amor!

Daminha na igreja

Já a minha dama surpresa era a minha companheirinha diária e prima, Beatriz. Seis aninhos de muita “pimentice” e gostosura, dessas de apertar até estourar. Era mais ansiosa que a noiva! Um dia, ela chegou pra mim dizendo: “Ai tô com dor de barriga só de pensar no seu casamento”, hahaha. Não é muito linda? 😀

Tirei as medidas da Bibia semanas antes e pedi as da Soso. Encaminhei o que pude e deixei só as provas finais pra semana anterior ao casamento. Com crianças, planejamento é TU-DO!! Começou o corre-corre dos últimos detalhes, vestidos, sapatos, coroas de rosas pra cabeça, cestinhas. As duas amaram o figurino e dançaram o quanto puderam na frente do espelho da loja, na maior felicidade. Pensei: Tudo resolvido, vamo ser feliz! 🙂

Daminhas e noiva

Maaaas….

Vida de noiva tem sempre um causo, né? Aliás, vários, pra alegria do Blog, hahaha. No dia do ensaio, a Sophis, de repente, não estava mais na “vibe” de ser A Flower Girl. 😕 Tinhamos passado uns dias em Jericoacoara (CE) e ela estava exausta. No sábado do casório, nada tinha mudado. E agora, meu povo, o que fazer? A sorte é que eu tinha duas cartas na manga, com o mesmo nome e um suuuper jeitinho.

A minha prima Cynthia, pedagoga, que conviveu muito com a Soso nos EUA, e a minha amiga Cinthya, que também morou com a minha família americana e sabia bem como era a danadinha. Cynthia e Cinthya, parceiras no crime, tentaram de todas as formas mostrar como o lance era legal: “Olha que vestido lindo, você não quer? Vou ficar pra mim! E essa coroa, se você não usar, vou botar no meu cabelo…” Conversa vai, conversa vem, minha prima bolou a estratégia pra que ela topasse fazer o papel direitinho.

Cynthia (minha prima) – A gente vai brincar de caça ao tesouro. Essa igreja é, na verdade, um castelo e, depois que você entrar, vai ter uma surpresa lá na frente, topa? Fechado, partiu! :mrgreen:

A “outra Cynthia” (minha amiga) ficou encarregada de entregar a recompensa e, com essa condição, ela entrou, linda e maravilhosa, toda satisfeita, jogando as pétalas ao som de “You are my Sunshine”.

dama de honra

dama de honradama de honra

E olhem só o que era o tão valioso tesouro! 😀 Só criança, né?! Lindas e inocentes…

dama de honra

Aprendi um ponto fundamental para o sucesso da festa: tenha pessoas espertas ao seu redor, digo porreta mesmo! A Cynthia, com toda sua lábia (aquela usada para as flores, lembram?!), convenceu a Sophia com um pirulito! Parece engraçado, mas foi lindo! Não segurei as lágrimas!” (Cinthya Araújo)

A cerimônia prosseguiu e foi emoção até o fim! 😀

dama de honra

A Beatriz, toda serelepe com as alianças, me fez chorar de alegria! *-*

dama de honra

And they lived happily ever after! <3

dama de honra

É causo que não acaba mais!

E se você pensa que isso foi adrenalina, é porque não estava no casório da Jamille (veja o casamento dela com o Daniel aqui). GEN-TEEEE!!! Minutos antes de entrar, a daminha dela começou a chorar, era uma fofinha super pequenininha. Quando foram checar o que tava acontecendo, descobriram que ela tinha SIMPLESMENTE comido algumas pétalas e se engasgado de leve. 😯

 

Daminha em Casamento

O susto passou, mas não teve quem fizesse ela entrar! A outra daminha, por sua vez, estava toda preparada pra executar seu papel como planejado e não quis conversa com a ideia de fazer o trajeto duas vezes: “Mas não foi isso que eu ensaiei… Eu só ensaiei uma vez”. Hahaha. 😀 E assim foi! Ai, meu Deus, é cada uma… 😛 Casamento com crianças é sempre um espetáculo à parte, não é não?

Noiva e daminha

Detalhe: esse foi, de longe, o casamento com mais crianças que eu presenciei na vida. Alguém arrisca um chute de quantos filhos esses pombinhos vão ter? 😉

Noivos Com Crianças em Casamento

*Fotos do Casamento Tayce e André: Clécio Albuquerque

*Fotos do Casamento Jamille e Daniel: Vinicius Moura e Amanda Fontenele

 

No Próximo Post…

Vocês acham que casamento pequeno é à prova de imprevistos? Pois, na semana que vem, nós contamos o causo de uma noiva que organizou o próprio mini-wedding, pra 28 convidados apenas, e mesmo assim teve que enfrentar problemas gigantes até a hora de subir no altar! Esperem que boas dicas virão!!! 😉